Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

pai João e mãe Sofia

pai João e mãe Sofia

19
Out12

Azul elétrico

mãe Sofia

Às 7h30 da manhã temos de estar impreterivelmente no carro, prontos a arrancar.

O mini acaba o pequeno-almoço e queixa-se que ainda não brincou.

  

Ok, podes ir então brincar. Dois minutos!

  

Ohhhhhhh, mas eu queria (dedos espetados no ar) trêêêêês minutos!

   

30
Abr12

Eu sei que tinha prometido atualizar o blog com alguma frequência...

mãe Sofia

... mas há duas semanas fui dar um passeio com os filhotes e os meus primos. Um passeio especial que, apesar de combinado às três pancadas, nos levou, sem planearmos, a um sítio que deve ter feito sorrir o meu avô. Os netos e bisnetos juntos por um dia inteiro, num passeio a um dos sítios que insistiu tanto em visitar antes de nos ter deixado.

  

  

Tirei fotos, pensei em fazer um post... mas os cartões da máquina fotográfica desapareceram misteriosamente e eu, sem aquele post, bloqueei. Queria mesmo começar por ali.

Passei várias horas de rabo para o ar, a espreitar debaixo do móvel, a escarafunchar por baixo dos tapetes da sala, a levantar fios de televisões, telefones, dvds, wiis e afins que se entrecruzam todos nesta zona... Nada. Apenas uma certeza: a culpa inteira e absoluta do mini no sumiço dos cartões de fotografias.

   

Só mais de uma semana depois é que se fez luz no meu cérebro.

Tom leve e casual, uma despreocupação fingida: Olha, filhote, arrumaste os cartões na wii? 

Mini - Sim... ahhhh... não!

Mãe - A sério, a mãe não se zanga, só quer saber... Empurraste os cartões aqui para dentro? - Sorriso nos lábios e olhar assassino escondido.

Mini - Hmmm... Ahhhhh... Sim...

Mãe - Ah! Olha, e quantos cartões eram? - Para ter a certeza que não me estava só a fazer a vontade em assumir uma culpa que não era sua.

Mini - Dois!

Mãe - E de que cor eram?

Mini - Azuis!

 

Bingo!

Uma pinça e meia-hora depois, o pai João sacou os dois cartões de dentro da ranhura para os Cds da consola.

   

 

E pronto, agora já tenho fotos, já posso fazer posts e já posso atualizar o estaminé.

Vamos ver se consigo...

    

13
Fev12

Alguma vez haveria de ser a primeira

mãe Sofia

Cheia de saudades de ter paz de espírito suficiente que me permita escrever com maior regularidade, hoje dou cá um saltinho para contar as desventuras do dia.

  

Fomos às compras e o mini estatelou uma garrafa de vinho no chão, mesmo aos seus pés.

A senhora da peixaria veio limpar e quando o mini lhe pediu desculpa, ela rosnou qualquer coisa como Pois, desculpa. Deixa lá, para a próxima é pior, não é?

  

O pai desandou com o mini e continuei as compras com o crescido que, ao passar pela bancada do peixe, foi atacado por um espírito maligno, deitou a mão a umas 10 senhas que estavam penduradas da máquina e arrancou-as. Ainda comecei a ralhar, quando oiço a mesma senhora a comentar: Está feita com esses dois! Está mesmo! Nem pode sair à rua com eles!

   

Juro que não sei o que lhes deu! Costumam portar-se tão bem! A sério!

       

09
Jul11

Independências do fim-de-semana

mãe Sofia

O mini totalmente autónomo na casa de banho, independentemente do que for fazer.

        

O crescido totalmente autónomo em acordar da sesta e, sem nada para fazer cá em casa, coitadinho, que não tem brinquedos nenhuns, saiu porta fora para ir brincar com a vizinha que estava no parque sem dizer nada a ninguém. E nem o pai, que estava no quintal, estranhou quando viu o miúdo às voltinhas por ali de calças de pijama e galochas nos pés. 

Sai uma conversa muuuuuuuuuuito séria para a mesa da esquina!

Acho que não vai voltar a repetir a proeza...

     

29
Jun11

Para quê complicar? Um cão é um cão e pronto!

mãe Sofia

O mini veio feliz da escolinha. Tinha lá estado o cão de uma das educadoras.

  

Contou que lhe tinha feito festinhas, que o cão lhe tinha dado beijinhos e que era um cão vermelho (estão muuuuuuito difíceis as cores...). 

   

E como se chamava, filhote?

  

Cão!

  

Sim, mas o nome do cão era qual?

  

Cão!

   

Sim, era um cão. E como se chamava?

  

Suspirou, encostou o nariz ao meu, abriu muito os olhos e disse, muito devagarinho, a ver se eu percebia a mensagem:

  

O cão cão!

 

{#emotions_dlg.barf} 

Mini 1 - Mãe 0

28
Abr11

O retrato do filho crescido

mãe Sofia

Fui ao supermercado sozinha com os dois e o crescido insistiu que queria ser ele a pagar (já que o mini, sentado no tapete rolante das compras, deu em mão à senhora da caixa todos os artigos que comprámos, um por um).

   

Dei-lhe o cartão e ele lá começou.

Verde, sorriso e olhinhos para a senhora da caixa, dois números do código, espreita quem está a andar no carrossel da moeda, dois números do código, conversa com irmão, verd...

E a operação foi anulada por ter demorado demasiado tempo.

   

   

É assim em quase tudo. Tudo demora. 

Sem stresses!

 {#emotions_dlg.tongue}

29
Dez10

Saídas...

pai João

De regresso a casa, depois de um grande passeio com a mãe, o V chega a casa a dormir, claro!

Ajudo a descarregar as compras e preparo-me para apanhar o nosso filhote de dentro do carro, até aqui tudo normal.

 

Tiro o cinto e ele abre os olhos, imediatamente pergunta assim:

- Sabes como é que ficavas bem?

-Não?!... - respondo.

- Numa fatia de pão!

 

Surreal?? Nãã...

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D