Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

pai João e mãe Sofia

pai João e mãe Sofia

Mini paixões aos 27 meses

Motas. Não lhe escapa uma e dá gritinhos de excitação sempre que aparece uma no seu raio de visão. E quanto mais barulho fizerem, melhor. Também se mostra entusiasmado com os aviões que descobre no céu, mesmo que sejam mínimos, e, mais ultimamente, com os autocarros e camiões.

  

Cães. A começar na que temos em casa, passando pelos cães dos vizinhos que está sempre pronto a visitar e acabando naqueles que se cruzam connosco na rua e que nos obrigam a parar para os ver passar perto. Às vezes os donos deixam e ele faz-lhes festas, o que é o delírio total. Também não lhe escapam os cães que aparecem em filmes e anúncios na televisão.

      

Gatos. Não lhes toca porque eu sou alérgica e (perdoem-me os cat lovers) sou um bocado desconfiada com eles. Mas ele anda sempre a chamar os que passam aqui por casa, os que vê nas redondezas ou na televisão e nos livros. Gatinho!! Gatinho!! 

    

Bebés. Na escolinha está sempre atento aos que passam no corredor para o berçário e na rua vai sempre ter com os que vê passar. Mete-se com eles, faz-lhes festas, cócegas e encanta-se com coisas tão simples como os seus sapatinhos pequeninos (até ele, ainda bebé também, percebe que são sapatos mesmo pequeninos), os seus sorrisos ou as suas festinhas. É mesmo, mesmo carinhoso e meiguinho com eles e acabamos por ficar derretidos com a reacção dele.

         

2 comentários

Comentar post