Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

pai João e mãe Sofia

pai João e mãe Sofia

Natal

Eu continuo a achar que o Natal pertence ao mês de Dezembro mas as iluminações nas ruas, as montras das lojas e as escolinhas dos miúdos insistem em começar já em Novembro.

 

Só ontem, fartei-me de imprimir desenhos, puzzles e outros crafts para as criações artísticas do mais crescido. Há já uma série de dias que insiste em fazer coisas de Natal para enfeitar a nossa casa.

O mini, apesar de ter contado com ele para algumas das actividades, só quis destacar e colar autocolantes natalícios numa árvore pintada por mim.

E como o Natal, além da mummy Mary, do daddy Joseph e do baby Jesus de quem tanto fala o crescido, tambem inclui os presentes, ontem perguntou-me:

 

E tu, mãe? O que vais pedir ao Pai Natal?

 

Não sei ainda, filhote.

 

Porque não pedes um lançador de bakugans?

 

Hum... não me parece.

 

Porquê? Não gostas? Olha que o lançador se transforma em mochila!

 

Está bem, mas se gostas tanto, pede para ti.

 

Ó mãe, mas olha que o lançador é mesmo giro! E transforma-se em mochila!

 

Sim... mas... eu prefiro outras coisas.

 

Outras coisas? Já sei! Uma barbie!

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.