Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

pai João e mãe Sofia

pai João e mãe Sofia

Em cheio!

Na sexta fui buscar o mais crescido e, enquanto esperámos pela saída do pai João, fomos ao Museu de História Natural ver a explosição sobre o Allosaurus. Vimos a sala dos dinossauros, a sala sobre o Allossaurus e ainda fomos à sala dos minerais como bónus.

O filhote sempre super curioso com os fósseis, os ossos, os ovos, os crânios, os paleontólogos...ia fazendo perguntas e, umas vezes ouvindo explicações outras tirando as suas próprias conclusões. Depois de ver pegadas de dinossauros com 3 dedos e com 4, acabou mesmo por descalçar os sapatos e as meias para contar os dedos dos seus próprios pés.

 

Foi um passeio excelente! Havemos de voltar ao Museu para dar um passeio no jardim e visitar o borboletário.

[E, mini-filhote, (se leres isto daqui a uns anos) tu só não foste connosco, porque estava muito vento e havia muitas coisinhas de árvores no ar e eu morro de medo que voltes a ficar com falta de ar.]

 

No sábado passámos literalmente o dia no Pavilhão do Conhecimento. O dia era dedicado ao Chapitô e, tendo em conta as perspectivas de futuro, não podíamos faltar.

Chegámos de manhã, ainda a tempo de ouvir os bombos dos Bombrando (os rapazes todos tiveram direito a tocar no fim) e depois andámos entretidos entre as experiências, os palhaços e a casa inacabada. Saímos para almoçar e voltámos para passar um bom bocado da tarde.

A registar: a loucura do mini com o carro de rodas quadradas, o tempo infinito passado pelo filhote nas construções e as pipocas e o algodão doce à saída do Pavilhão.

 

Hoje (a mãe ficou fechada em casa a trabalhar no único trabalho que falta para acabar a parte curricular do mestrado) e os homens foram todos passear. Foram visitar o palácio de Queluz e almoçar com a avó L.

O mini-filhote foi no sling do pai, mas já vi fotos do filho mais velho perdido de amores com o labirinto do jardim do palácio.

 

Fim-de-semana em cheio!