Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

pai João e mãe Sofia

pai João e mãe Sofia

39 dias

É quase um recorde o número de dias que conseguiu estar longe do hospital. É juntar picos de febre na quinta e sexta com o aviso da educadora ontem à tarde: Mãe, há uma menina aqui da sala em casa com síndroma pé - mão - boca.

 

Ontem começaram a aparecer as primeiras borbulhas nas mãos e à volta da boca; a noite foi do mais... hum... animado... que pode haver; e hoje acordou pejado de borbulhas nos pés, joelhos, mãos e boca. Dentro e fora.

 

O mais velho já teve, mais ou menos com a mesma idade, mas não houve febre nem me lembro deste sofrimento com a boca. Aliás, o desconforto dele foi a principal razão para termos ido ao hospital.

 

Passou o dia a iogurtes e leite (agora que chegou finalmente aos 10 quilos!) e tem alturas de chorar ininterruptamente 10 ou 15 minutos seguidos.

Coitadinho do meu mini pequenito.

 

Esperemos que passe (muito) depressa...

{#emotions_dlg.annoyed}

19 meses

Está lindo, lindo, lindo.

E mimoso. E cómico. E malandro.

 

As fotografias são de sexta-feira passada, da festa de final do ano.

Entrou de mão dada com a educadora e olhar perdido perante tanta gente. Depois concentrou-se na música de patinhos que tocava e marchou todo contente. Até palmas bateu.

 

Um orgulho!

 

Ontem andou colado a mim o dia todo.

Foi comigo levar o mano, comigo para o trabalho, comigo para a pediatra, comigo buscar o mano, comigo para casa dos avós e dormiu 2 horas de sesta colado a mim no sofá dos avós. Hoje senti-lhe a falta toda a manhã e já morria de saudades quando o fui buscar.

 

Mini-filhote, que nem palavras há para explicar um décimo do amor que sentimos por ti, parabéns pelos 19 meses!

 

Independência

Hoje, depois do almoço, apanhei os dois filhotes e passei no IKEA para trocar umas coisas que lá tinha comprado na semana passada.

 

Assim que passámos em frente ao espaço de brincadeiras para os miúdos, aquele em que ficam sem os pais, o mais velho pediu se podia ficar.

Estreia absoluta.

 

Queres ficar ali? Mas ali é só para os meninos que ficam sozinhos. (ênfase no SOZINHOS) Enquanto os pais e os manos vão às compras.

 

Mas eu queria tanto ficar ali a brincar.

 

Deixei.

Ficou e gostou.

 

49 meses de segurança e independência.

Mini, de Minúsculo

Consulta dos 18 meses numa pediatra nova, de volta à CUF para rentabilizar o seguro dos miúdos.

 

Está óptimo e desenvolvido... mas minúsculo.

 

10,600 kg - percentil 10

77,5 cm - percentil 5

 

 

Gostei da médica e voltaremos no final de Setembro para pensar em descobrir a que é alérgico exactamente e descobrir soluções para evitar as 723 bronquiolites do Inverno.

 

Wild kid

No parque aqui em frente usa o escorrega completamente sozinho, adora andar no baloiço cujo assento é uma tira de lona, sobe com desembaraço para o cavalinho-mola e já começa a trepar sem ajuda os quadrados de rede que formam uma parede.

 

Ontem, enquanto as vizinhas crescidas (7-9 anos) faziam rodas e pinos na relva, achou por bem ir para o meio delas fazer cambalhotas.

Cabeça na relva, mãos no ar, rapo espetado para cima e os pés cada vez mais perto da cabeça.

 

Um dia destes dá-me uma coisa má.

Muito má.

 

Inexperiência consumista

Entramos na Geox e peço o número 27 de uns ténis que já tinha visto com o pai cá de casa.

O crescido senta-se, experimenta o pé direito e, depois de ver que serve perfeitamente e que ele também gosta, descalça-se e eu entrego o ténis à senhora da caixa. Queria então levá-los, por favor.

 

Mãe, vamos comprar?

 

Sim. Pode ser? Gostas?

 

Hum... Sim. Mas só se houver outro igual para o outro pé!

{#emotions_dlg.sarcastic}

Auto-confiança

Acabámos um jantar com amigos já tarde e enquanto adormeço o mini no sofá da sala, vai dando um programa de dança na televisão.

Deito o mini adormecido na cama e levo o filhote crescido para baixo. Enquanto ponho pasta na escova de dentes, ele dança.

 

Então? Gostaste de ver os senhores a dançar, foi?

 

Sim, gostei. E continua a dançar ao som do silêncio. Aquele chama-se Achas que sabes dançar?, não é?

 

É.

 

Eu nem preciso de ver. Eu já sei dançar! Vês??

{#emotions_dlg.sidemouth}

Era um bocadinho de humildade, ó faxavor!

 

Generosidade

No fim de semana passado fizemos uma grande selecção (e arrumação) de brinquedos deles, quer no quarto quer na sala.

Comecei sozinha a separar brinquedos mas os filhos acabaram por chegar e o mais velho quis saber o que estava a fazer aos seus pertences.

 

Vocês têm tantos, tantos brinquedos, que estou a escolher alguns para darmos a meninos que não têm tantos como vocês. Pode ser?

 

Pode. Posso ajudar?

 

E ajudou, que orgulho!

 

Na 2ª entregámos 6 sacos cheios na creche do mini. Costumam aceitar brinquedos (e roupas) que são distribuídos pela salas ou são entregues a lares com quem trabalham.

Ontem foi a festa do mini na creche (outro post) e assim que chegámos reconheceu um dos nossos brinquedos. E ficou contente por perceber que aquele brinquedo, com que já nenhum dos dois brincava, agora estava ali para ser usado por outros meninos.

{#emotions_dlg.default}