Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

pai João e mãe Sofia

pai João e mãe Sofia

2 anos de ti

    

      

E é impossível não escolher um sorriso para te caracterizar.

 

A boa disposição é um traço teu que espero que te dure a vida inteira. Bem como a meiguice e a ternura que mostras com todos de quem gostas.

     

Este foi um ano em que as tuas conquistas foram ainda mais evidentes.

As palavras soltas, primeiro, e as conversas que já sabes ter. As histórias que de repente passaste a contar e as cantigas que trauteias o tempo todo. As contagens até 10 em português e em inglês...

   

A alimentação com sólidos, com carne e peixe partidos aos pedaços, a tua predilecção por qualquer hidrato de carbono (leia-se bolachas, pão, batatas, cereais...).

  

O desfralde que tem sido um sucesso, as noites dormidas de seguida, as corridas e os saltos a pé juntos, as subidas e descidas (em qualquer posição) do escorrega. A descoberta dos amigos e das pessoas da família, de quem falas e por quem perguntas constantemente.

 

As caretas, as gracinhas, as malandrices...

     

A confiança em nós que é tão plena, que continuas a não saber bem onde acabas tu e começamos nós. A necessidade de contacto físico que continua tão presente em ti, que de preferência brincas ou vês televisão colado a nós.

A independência que fica para as coisas que queres fazer sozinho e para as escapadelas que dás, só para que corramos atrás de ti.

    

Filhote, todos os dias nos maravilhas, nos arrebatas uma e outra vez e, contigo, crescemos mais ainda, deslumbrados com a capacidade de amar alguém tão incondicionalmente.

     

Muitos parabéns!

  

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.