Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

pai João e mãe Sofia

pai João e mãe Sofia

15
Set12

Eu tenho um sonho: quero ser feliz em Portugal!

mãe Sofia

De todos os que gritámos durante a tarde, este foi talvez o mote que cantei com mais vontade. É que juro que há uns dias disse ao pai João "Olha, é mandá-los para fora do país à mínima oportunidade".

 

Estive indecisa até à última. Queria ir, muito. Porque pode não mudar nada, mas ficar em casa também nada muda e este mix de frustração e fúria está a começar a dar cabo de mim. Com o pai João numa atividade de escuteiros, só poderia ir com os miúdos atrás, o que por um lado me agradava, mas por outro me deixava preocupada.

Olha, à tarde queres ir andar de comboio e ir à manifestação? Perguntei ao crescido. Resposta pronta: Boa! Vou fazer o meu cartaz! E o que vais escrever? Vou colar a cara do Passos Coelho, aquela da revista, e vou escrever... hum.... queremos pagar menos! E vou colar palhinhas para segurar.

Fez o cartaz e assim que o mini acordou da sesta metemo-nos ao caminho.

   

Nunca tinha ido a nenhuma manifestação. Arrependi-me de não ter levado dois ou três dos quinhentos apitos, buzinas e semelhantes que habitam cá em casa, mas fiquei feliz com o mar de gente à nossa frente e outro igual, a perder de vista, para trás.

Para os miúdos foi uma festa! Gritos, motes, palmas. Gente a meter-se com eles, tão pequenos. E tantos outros pequenos à nossa volta a fazer companhia aos meus.

Não fomos até à Assembleia porque achei que eles não aguentariam a pé até lá e confesso que tive receio dos confrontos. Mas caminhámos até à Praça de Espanha. E depois até ao Marquês. E tive de arrastar os putos para o metro, que não se queriam ir embora.

    

 

Não sei se depois de hoje alguma coisa mudará. Mas não podíamos simplesmente não ter ido.

Por eles. E por nós.

   

07
Mai10

Sacudir o pó

mãe Sofia

A gastroenterite do mini já lá vai.

Demorou a passar, teve tempo de a pegar ao avô e ao bisavô, mas acabou por se recuperar. O apetite voltou num instante e hoje, por exemplo, jantou um prato cheio de massinhas e frango (comido pela própria mão), sopa, fruta, pão, ravioli e bolacha Maria. Por esta ordem.

 

O filhote crescido está... crescido.

Já repararam como a barrinha ali em cima está tão perto dos 4 anos? Começa a nostalgia e a (tentativa de) negação. Hoje tive com ele um dos melhores momentos da semana. Fomos ao cinema ver dragões, só os dois.

O outro momento alto da semana foi ontem quando, depois de irmos às compras (céus, que nem leite havia cá em casa) comemos um gelado a quatro e partilhámos a bolacha do gelado a três. Eu e os filhos, em dentadas colectivas.

Falta menos de um mês para as aulas do mestrado terminarem e eu vou usando o tempo com muita parcimónia e roubando horas à noite. Tenho estado menos tempo com os miúdos e hoje tive de segurar as lágrimas quando, logo pela manhã, o V. me perguntou Mamã, hoje vais à faculdade ou ficas connosco?

 

Não falei do Dia da Mãe, nem do 17º aniversário da minha afilhada-princesa-linda, nem do espectáculo da Vila Moleza a que fomos com amigos e que os dois filhos adoraram, nem do concerto habitual em Sintra, nem de todas as pequenas conquistas de todos os dias. Os nossos grandes nadas, que são tão importantes para nós.

Este mês não devo conseguir aqui vir muitas vezes...

 

17
Ago08

Serviço público

mãe Sofia

Já fomos a vários e o filhote gosta tanto que, no dia em que fizemos o piqueninque lá para os lados de Sintra, passámos no Centro Cultural Olga Cadaval e agendámos mais uns concertos este ano.

         

Concertos para bebés às 10h e às 11.30h.

21 de Setembro, 19 de Outubro, 16 de Novembro e 21 de Dezembro.

   

A estrutura dos concertos é sempre a mesma, variando no entanto o instrumento principal que está em foco durante o espectáculo.

(Nós já assistimos, por exemplo, ao concerto do violino, do acordeão, do violoncelo...).

       

Os bilhetes esgotam depressa, mas mesmo assim fica a sugestão. 

                

16
Nov07

2º corte

mãe Sofia
O antes:
  
     
    
E o durante:
   
   
Portou-se lindamente e as lágrimas só deram o ar da sua graça na altura de acertar a franja.
  
O cabelo ficou muito curtinho, mais do que aquilo que desejávamos, e o filhote ganhou um ar de rapazinho.
Vamos ver se os caracóis resistem e voltam a aparecer...  
 
    
Parabéns avô M.!!
         
O filhote adorou soprar as velas contigo!
          
 
12
Set07

Distinções

mãe Sofia
                  
                   
        
Fomos distinguidos pela mãe da Rita com o Trevo da Sorte e o Selo da Amizade.
      
E embora fosse meu dever nomear agora mais dez blogs a quem passar a distinção, não o consigo fazer...
    
Adoro ler blogs.
Baby blogs, blogs humorísticos, blogs generalistas, blogs intelectuais e pseudo-intelectuais... tudo! Se lhe quiserem chamar um vício, tudo bem. Gosto mesmo e não prescindo da leitura dos meus favoritos (uma catrefada deles) todos os dias. Às vezes mais do que uma vez por dia...
   
Criam-se amizades e afinidades com pessoas que nunca vimos cara a cara, mas em quem nos revemos em pensamentos, questões, sentimentos e situações.
          
Mas porque comento regularmente apenas três ou quatro, não me sinto (mesmo) à vontade para nomear publicamente dez blogs.
    
Considerem-se por isso distinguidos todos os que nos visitam!
    
Com ou sem blog.  
          
Gostámos muito, mãe da Rita.
27
Ago07

1 ano de blog

mãe Sofia
Além do desafio tecnológico que era para mim, o blog surgiu da vontade de partilhar os nossos grandes nadas do dia-a-dia com os amigos e com a família.
     
Mas este nosso cantinho cresceu mais do que o inicial espaço de partilha.
Passou a ser um espaço que sinto como meu, como nosso. Gosto de registar aqui as malandrices e as conquistas do filhote, assim como os retrocessos que fazem parte do crescimento. Gosto de ter aqui um porto onde escrevo as minhas dúvidas e as minhas certezas, as alegrias, os receios e os momentos bons e menos bons que me vão surgindo nesta nova profissão de ser mãe.
     
Passo por aqui todos os dias.
Tento escrever diariamente. De vez em quando não há tempo, ou as palavras não saem como quero, ou então não há novidades...  
Gosto de aqui vir.
Releio datas que já passaram e volto a viver os vários momentos, às vezes com a mesma perspectiva, outras vezes com a sensação de que numa próxima vez tudo correrá de outra forma.
Gosto de me imaginar daqui a muitos anos a relembrar sentimentos e sensações dos primeiros tempos de mãe. 
     
1 ano...
Celebrada com uma mudança de visual. Mais fresco, como este Verão.
      
E um grande obrigada a todos os que vão seguindo as nossas aventuras.
          
Nos próximos dias vou tentar fazer os ajustes que ainda faltam nesta nova versão.
      
16
Ago07

Porque os acidentes acontecem...

mãe Sofia
   
     
Escadas vedadas, filhote protegido e papás mais descansadinhos.
        
Também há uma barreira no fim das escadas, que impede que o filhote (já expert em escalar de barriga o primeiro degrau) tenha a tentação de as subir sozinho.
         
Lilypie Kids Birthday tickers
Lilypie Kids Birthday tickers

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D